sexta-feira, 1 de abril de 2016

O Dia da Mentira, pelo Tolo de Abril

Não acredite em absolutamente nada do que ler na Internet hoje. É sério.

Através de todo o alcance proporcionado pelas mídias sociais, haverá aqueles que exaltarão estupidamente a ditadura militar. Outros mitificarão fascistas, cuspirão sobre a desigualdade social, espalharão a ilusão da meritocracia e fingirão acreditar no impeachment como uma solução derradeira para todos os problemas que os cercam. Tenha paciência com esses seres tão ariscos e irritadiços, que aproveitarão o dia de hoje para tumultuarem a casa um pouco mais.

Da mesma forma, não ouse baixar a guarda para o outro lado, onde a criatividade correrá solta e fertilmente. Artistas de renome insistirão em uma esquerda há muito endireitada, enquanto outros recorrerão a fantasmas golpistas em nome de uma democracia partidária. Haverá ainda aqueles a defenderem o direito entortado das urnas de 2014, ignorando a grossa camada de maquilagem usada para que o defunto das contas públicas parecesse saudável e digno de confiança.
       
Vale tudo para pregar uma peça inesquecível nos mais inocentes durante o dia de hoje - e qualquer que seja o resultado, tenha certeza de que essa será uma daquelas pegadinhas que o país inteiro lembrará dia a dia, pelos próximos muitos anos. Só resta saber quem de fato achará tudo isso engraçado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário